WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
Oi, como posso ajudar?

A toxina botulínica popularmente conhecida como Botox é uma toxina produzida por uma bactéria chamada Clostridium botulinum que é aplicada no músculo e provoca o relaxamento da região.

Existem diversos nomes comerciais, o Botox é o nome mais conhecido da toxina botulínica. A toxina botulínica tem subtipos como A, B, C, a utilizada em medicina é a tipo A.

Toxinas botulínicas de diferentes empresas têm características próprias, dosagens e eficácia diferentes.

O Botox para uso estético é indicado para suavizar as rugas e linhas de expressão do rosto. Entre as linhas tratadas estão as rugas da testa, a glabela (espaço entre as sobrancelhas) e, os pés de galinha, rugas que se formam na região dos olhos.

A principal motivação para este tratamento estético é o incômodo gerado pelas rugas ao paciente. Em comparação com cremes para rugas e linhas de expressão, o Botox costuma trazer resultados mais visíveis.

As rugas aparecem devido ao envelhecimento facial, que ocorre por idade, exposição solar inadequada, má alimentação e tabagismo, entre outros. Mas o fator imprescindível para seu aparecimento é a contração natural dos músculos do rosto, que formam as chamadas linhas de expressão, entre outros. Por exemplo: muitas pessoas tem o hábito de franzir a testa ao se expressar, mas com o passar do tempo essa contração dos músculos da região gera vincos horizontais na pele. O mesmo acontece com as rugas ao redor dos olhos – resultado da tensão gerada quando sorrimos ou forçamos a vista, por exemplo.

Quando é injetada nessas rugas, a toxina botulínica age como um bloqueador neuromuscular, ou seja, bloqueando a transmissão de estímulos dos neurônios para os músculos, impedindo, parcial ou totalmente, a contração muscular.

No caso das linhas de expressão, o benefício se dá de duas maneiras:

1 – De forma preventiva: como a contração muscular é paralisada não haverá a formação de rugas pela movimentação muscular na área

2 – De forma reparativa: como o botox tira a tensão da musculatura, as rugas, causadas por esses músculos, são amenizadas.

Não há idade especifico, mas o bom senso diz que é melhor após os 25 anos ou quando as rugas de expressão começam a incomodar.

O Botox, assim como todo medicamento, é contraindicado para pacientes que apresentam alergia a qualquer componente de sua formulação. Mulheres grávidas ou em amamentação, portadores de doenças neuromusculares, imunológicas e coagulopatias (ou ainda pessoas que utilizem anticoagulantes, aminoglicosídeos e drogas que interfiram na transmissão neuromuscular) não devem ser tratados com a substância.

O resultado da aplicação do Botox em estética começa a ser notado no prazo de dois a cinco dias a partir do momento da aplicação. Os resultados tornam-se mais pronunciados por até duas semanas. A partir de então os resultados permanecerão estáveis pelo período aproximado de quatro a seis meses. No uso estético, os efeitos do Botox podem durar de três a seis meses.

Por ser um medicamento biológico, deve ser seguido um intervalo mínimo de três meses entre cada aplicação, considerando a mesma região tratada. Caso esse prazo não seja respeitado, pode se desenvolver uma resistência ao produto e o Botox perde seu efeito. Deve ser evitada a aplicação antes de 3 meses para evitar resistência. Independente disso, o tempo é variável de 6 meses a 1 ano para reaplicação.

PERGUNTAS FREQUENTES

1) Existe uma idade ideal para começar a aplicar Botox?
Não existe uma idade ideal para começar as aplicações. Existem pessoas que apresentam, desde a adolescência, tendência a formar muitas marcas de expressão quando sorriem ou falam. Juntamente com outros fatores, esta ação continua sobre a pele pode formar marcas definitivas na pele: as rugas. Sendo assim, quem tem muitas marcas de expressão, colhe muitos benefícios iniciando suas aplicações precocemente. Em geral, a partir dos 30 anos algumas pessoas já são candidatas. Existem pessoas que precisam usar antes dos 30 anos, mas não é comum.

2) O que é o Botox?
A toxina botulínica é uma medicação extraída de bactérias (Clostridium) cuja ação principal é paralisar a musculatura. A apresentação é em forma de pó que é dilui com soro fisiológico e utiliza uma pequena seringa para aplicar.

3) O Botox previne envelhecimento?
O Botox não previne envelhecimento. Ele evita o aparecimento de rugas na testa e ao redor dos olhos. As rugas representam apenas um dos componentes do envelhecimento. Uma vez marcadas na pele, mesmo sem contrair o músculo, as rugas necessitarão de outros tratamentos (peelings, preenchedores), pois somente o Botox não resolve estes casos. O melhor é se precaver, iniciando as aplicações antes que as rugas fiquem marcadas.

4) Em quais regiões do rosto o Botox pode ser aplicado?
Os locais mais comuns e com melhor resultado são a região dos olhos (pés de galinha) e na fronte (testa e entre as sobrancelhas). Rugas e marcas excessivas entre as sobrancelhas conferem aspecto de zangado. É comum estas pessoas receberem a pergunta: “Você está brava?”. Outros locais são o pescoço e próximo à boca.

5) É verdade que o Botox pode ser usado para “diminuir o suor” em quem tem “hiperidrose”?
É verdade. Quem transpira muito nas axilas pode realizar a aplicação no local. O resultado é a diminuição importante do suor. Nas mãos, pode ser aplicado mas é um pouco mais doloroso. A duração do efeito é aproximadamente 5 meses.

6) Como o risco de ficar muito “esticada” aplicando Botox?
Muito raramente isto acontece. O que ocorre, na maioria das vezes, são resultados artificiais vistos nos meios de comunicação onde tudo foi exagerado (cirurgias, peelings, botox, preenchimentos). O Botox, quando aplicado por profissionais treinados, dificilmente trará resultados artificiais. O mais interessante é que VOCÊ pode escolher qual grupo muscular quer paralisar.

7) É verdade que a sobrancelha pode “subir” após a aplicação?
É verdade. Quem tem a sobrancelha caída pode ser beneficiado. Quando aplicado em pontos específicos pode haver elevação de alguns milÍmetros da sobrancelha. Este efeito é rejuvenescedor. Não sobe a níveis artificiais. O resultado é bem natural.

8) Qual a duração do Botox?
A duração média é de 3 a 6 meses. Após 1 mês, o músculo deixa de ficar totalmente paralisado e volta, muito gradualmente, a contrair-se. O resultado não some de um dia para o outro. Gradualmente o efeito some e o músculo retoma sua atividade. Em algumas pessoas (com muita sorte) o efeito pode ser maior do que 6 meses.

9) Ouvi dizer que depois de algum tempo o corpo “acostuma” e perde efeito, é verdade?
Não há uma resposta definitiva a este respeito. Raríssimos casos em que o organismo passa a ser resistente aos efeitos são relatados. Você pode usá-lo 2 vezes ao ano, com tranquilidade e segurança, desde que siga as orientações.

10) O Botox serve para corrigir o “bigode chinês”?
Não serve. É comum as pessoas confundirem os “preenchedores” com o Botox. O “bigode chinês” necessita de preenchedores para ser atenuado. O mais usado é o ácido hialurônico. O Botox somente é usado para paralisar o músculo e diminuir as rugas. Não serve para dar volume.

11) O Botox preenche o lábio?
Não preenche. Esta é outra dúvida comum. Para preencher os lábios é comum o uso do ácido hialurônico. O Botox pode ser usado em conjunto com o preenchedor para prolongar o efeito do mesmo, pois a musculatura do lábio é enfraquecida.

12) Existe algum problema usar Botox e preenchimento com ácido hialurônico juntos?
Não existe nenhum problema. Na realidade é até mesmo recomendado esta prática. O Botox pode prolongar o efeito do ácido hialurônico, pois, devido à paralisia muscular, o preenchedor corre menor risco de migrar e ser absorvido. São duas ótimas opções para o rejuvenescimento facial.

13) Existe algum problema aplicar o Botox e realizar cirurgias na face?
Não existe. Aliás, o Botox enobrece e valoriza o resultado da cirurgia. Uma face firme e mais desenhada combina mais com um olhos sem pés de galinha e testa sem rugas.

14) O que pode dar errado?
Em mãos treinadas muito pouca coisa pode dar errado. O mais desagradável e dramático efeito colateral é o enfraquecimento do músculo que eleva a pálpebra de cima. Neste caso (ptose palpebral) a pálpebra fica caída. A maioria das vezes este efeito indesejável está relacionado a alterações da anatomia do indivíduo ou falta de preparo do profissional. A boa notícia é que este efeito dura pouco. Relembramos: Isto é a raridade da raridade. É muito comum ficar roxo nos pontos de picada. Nada que uma maquiagem não disfarce.

15) Existe alguma recomendação para prolongar o efeito do Botox?
A duração do efeito depende de “quanto a pessoa usa o músculo”. Quem faz mímicas excessivas, constantemente força a vista para tentar ler ou proteger da luz tem o efeito encurtado. Use óculos de grau se precisar, óculos escuros quando sair ao sol. Algumas medicações encurtam a duração.

16) Quando surge o efeito?
Após 3 a 5 dias algum efeito será sentido. “Pele repuxando” e “pele esticando” são alguns dos relatos dos pacientes. Após o quinto dia, boa parte do efeito já se instalou. O efeito final será somente após 3 semanas.

17) Vale a pena aplicar o Botox?
Desde que você não espere resultados milagrosos a resposta é: Sim, vale a pena. É um tratamento seguro, bons resultados e segurança comprovada. Esta também provado que previne a formação de novas rugas e atenua as já instaladas.

Att.
Dr. Marcelo Moscardini
CREFITO-3 78220-F